top of page

MAM São Paulo abre novos cursos de história da arte


Imagem Heitor dos Prazeres, Dança, 1965. Coleção MAM São Paulo.
crédito: Romulo Fialdini

Entre novembro e dezembro, o Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM São Paulo), promove novos cursos a fim de promover o diálogo e a reflexão sobre as histórias da arte e temas contemporâneos. Ministrados por profissionais renomados das áreas de história e crítica da arte, literatura, artes visuais, entre outros, as aulas são indicadas tanto para iniciantes como para especialistas no assunto. O curso online Artes incoerentes: cubismo, dadaísmo, abstracionismo e surrealismo, apresentado pelo professor Denis Molino, visa apresentar os principais membros do grupo “artes incoerentes”, levando em consideração documentos da época, como textos de jornais e catálogos de exposições, além de depoimentos dos próprios artistas e análises das poucas obras que sobreviveram. E, também, destacar as semelhanças entre as Artes Incoerentes e certas vanguardas artísticas, como os Dadaístas e Surrealistas. Também 100% online, o curso A arte cura?, ministrado pela professora Katia Canton, busca explorar narrativas diversas relacionadas ao tema “a arte como cura”, percorrendo construções que articulam a ideia de cura ou transformação por meio da produção e apreciação de diversas expressões artísticas. Os dois cursos estão disponíveis para inscrição no site do MAM (https://mam.org.br/curso/). Participantes do programa Amigo MAM têm 20% de desconto, estudantes, professores e aposentados têm 10%. Confira a programação completa: A ARTE CURA? com Katia Canton Curso online, aulas gravadas disponibilizadas apenas por tempo determinado Contempla certificado no final. Dias 24 de novembro e 01, 08 e 15 de dezembro, sextas-feiras, das 18h às 20h 4 encontros | Investimento: R$ 350,00 Inscrições em: https://mam.org.br/curso/a-arte-cura-com-katia-canton O postulado da arte como cura tem se destacado cada vez mais nas discussões contemporâneas, especialmente após a pandemia. Mas de que tipo de cura estamos falando, e a que arte estamos nos referindo? Partindo destas perguntas, este curso teórico busca explorar narrativas diversas relacionadas a esse tema, percorrendo construções que articulam a ideia de cura ou transformação por meio da produção e apreciação de diversas expressões artísticas. As quatro aulas propostas servirão como estruturas panorâmicas para estimular debates sobre as diferentes interpretações do termo “cura”, analisando a arte de uma maneira transdisciplinar.


Este curso está aberto a todos os interessados no assunto, não sendo necessário possuir conhecimentos prévios para participar das aulas.

Ministrado online, o curso conta com material digital, vídeos relacionados aos temas, depoimentos de profissionais e indicações de leitura. Voltado para estudantes, pesquisadores, professores, artistas, curadores, gestores, produtores e qualquer pessoa que se interesse pelo tema, o curso não exige conhecimento prévio. Programa: Aula 1 Arte-cura e o zeitgeist do agora Estética, cuidado de si, política e liberdade Narrativas enviesadas de um uso da arte em pesquisas recentes nas áreas de saúde e neurociência O surgimento da neuroestética e seus desdobramentos Reflexões pós-pandêmicas sobre os lugares da arte Aula 2 Uma pequena história da arte como história de cura e transcendência A Grécia Antiga e seus métodos de cura Aula 3 O pioneirismo de Osório César A revolução de Nise da Silveira O surgimento da arte-terapia e suas interfaces com a arte-educação: experiências, invenções e a arte como política de liberdade Aula 4 Apresentação de artistas, inventores-sobreviventes, protagonistas de uma arte curativa: olhando para a produção de Hilma von Klimt, Leonora Carrington, Jean Dubuffet, Arthur Bispo do Rosário, Aurora Cursino, Ann Halprin, Maria Fux, Marina Abramović, Lygia Clark, Tunga, Ernesto Neto, entre outros. Sobre a professora Katia Canton é artista visual, escritora, psicanalista, professora e curadora. Estudou arquitetura, dança e formou-se jornalista pela ECA USP, em São Paulo. Também estudou literatura e civilização francesas no curso de estudos superiores dado pela Aliança Francesa juntamente com a Universidade de Nancy II. Em 1984 transferiu-se para Paris, com uma bolsa de estudos de dança moderna no estúdio Peter Goss. Seu trabalho artístico é multimídia, incluindo desenho, pintura, fotografia e objetos, e conceitualmente se liga a questões sobre sonho, desejos e narrativas. Tem realizado exposições em museus, galerias e instituições culturais no Brasil e no exterior, desde 2008.

Como autora, além de escrever livros sobre arte, criou mais de 50 livros ilustrados para o público infantil e juvenil, tendo recebido vários prêmios, no Brasil e no exterior. Entre eles, recebeu por três vezes o prêmio Jabuti, prêmios da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil. ARTES INCOERENTES: CUBISMO, DADAÍSMO, ABSTRACIONISMO E SURREALISMO com Denis Molino Curso online, aulas gravadas disponibilizadas apenas por tempo determinado. Contempla certificado no final

Dias 06, 13 e 27 de novembro e 04, 11 e 18 de dezembro, segundas-feiras, das 19h às 21h | 6 encontros | Investimento: R$ 520,00 Inscrições em: https://mam.org.br/curso/artes-incoerentes-cubismo-dadaismo-abstracionismo-surrealismo-com-denis-molino As “Artes Incoerentes” referem-se a um grupo inusitado de jovens artistas, desde caricaturistas até teatrólogos, que deixaram sua marca no cenário cultural de Paris nos anos 1880 por meio de exposições cheias de comédia e iconoclastia. Nessas exposições, pinturas, esculturas e desenhos muitas vezes se misturavam com materiais e suportes incomuns, posteriormente conhecidos como “técnica mista”. Curiosamente, os Incoerentes, liderados por Jules Lévy, não são mencionados nos manuais de história da arte, sendo completamente desconhecidos no Brasil e ainda pouco discutidos na França até hoje. Este curso visa apresentar os principais membros do grupo “artes incoerentes, levando em consideração documentos da época, como textos de jornais e catálogos de exposições, além de depoimentos dos próprios artistas e análises das poucas obras que sobreviveram. E, também, destacar as semelhanças entre as Artes Incoerentes e certas vanguardas artísticas, como os Dadaístas e Surrealistas. Dividido em seis encontros, sendo os três primeiros focados na discussão sobre os Incoerentes e suas práticas. Durante essas sessões, serão examinadas as cerca de meia dúzia de exposições do grupo, que contaram com a participação de mais de quinhentos artistas. Os três últimos encontros serão dedicados a investigar as inovações introduzidas pelos Incoerentes em artistas tão diversos quanto Picasso, Maliévitch, Duchamp, Picabia e Yves Klein, entre outros Ministrado online, o curso conta com material digital, vídeos relacionados aos temas, depoimentos de profissionais e indicações de leitura. Voltado para estudantes, pesquisadores, professores, artistas, curadores, gestores, produtores e qualquer pessoa que busca compreender mais sobre a história da arte. O curso não exige conhecimento prévio. Sobre o professor Denis Molino é doutor e mestre em Filosofia pela USP. Foi curador-assistente do MASP (2008 – 2014) e fez a curadoria do Acervo Artístico da Câmara Municipal de São Paulo (2016). Como professor de história da arte e de mitologia greco-latina, tem ministrado cursos em diversos museus desde de 2007. Atua também como palestrante em centros culturais, galerias e ateliês de arte.

Serviço Museu de Arte Moderna de São Paulo Cursos de novembro no MAM Inscrições disponíveis pelo site https://mam.org.br/curso/ Quem integrar o programa de fidelidade Amigo MAM tem 20% de desconto. Estudantes, professores e aposentados têm 10%. Dúvidas: cursos@mam.org.br | WhatsApp: 11 99774 3987 Telefone: (11) 5085-1300 Acesso para pessoas com deficiência

0 comentário

コメント


bottom of page